imagem de hispanico

sexta-feira, 22 de dezembro de 2006

vila operária


vi arder o sol
sobre a umidade das folhas
minha cidade desolada
perdia o verde
aglomerados de gente
barracos repletos de miseráveis operários
uma onda de fome...assolava.
via-os perder a ação
as lutas do dia a dia
a lama a cobrir-lhe os pés
os patrões a desnudá.los
crianças largadas nas calçadas descalças
eram calçadas sem fim...
via fracassar as ilusões,
andavam cabisbaixos na estação final
vi a sombra da miséria e da fome
arrastando...guiando
vidas se perdendo
a vila operária inundada do cheiro fétido
esgotos a céu aberto corriam pelo barro
que cobria o chão
quanta dor respirava.se naquele lugar.
vi o infortúnio dos homens,
a velhice precoce das mulheres,
a ausência de sonhos nas crianças,
e por desventura ...lá...
a vida era infinitamente ....longa.
foto ilha grande dos marinheiros web

4 comentários:

  1. Que o verdadeiro espírito de Natal, nesta época de partilha de coisas boas, prevaleça com infatigável desejo na nossa amizade e, num golpe de gesto redondo repleto de magia, deixo-te um cabaz de aromas, esperança, felicidade e um voto para que sempre o amor te inunde com a sua companhia.

    Boas Festas!

    PiresF

    ResponderExcluir
  2. cordda

    bom feriado.

    paz e alegria


    um beijo
    della

    ResponderExcluir